Você gosta de IMAGENS HISTÓRICAS? Conhece o mais completo acervo desse tipo de arquivo da internet brasileira? www.FOTONAHISTORIA.blogspot.com

MORTE DE GEORGE GAYNES


NOME: George Jongejans (98 anos) 
QUEM FOI: Ator finlandês radicalizado nos Estados Unidos. Nascido em Helsinque, na Finlândia, Gaynes morou na França, Inglaterra e Suíça. Talentoso cantor, após a Segunda Guerra Mundial ele se mudou para os Estados Unidos e se juntou a New York City Opera antes de entrar na Broadway. Nascido em Helsinque, na Finlândia, Gaynes morou na França, Inglaterra e Suíça. Talentoso cantor, após a Segunda Guerra Mundial ele se mudou para os Estados Unidos e se juntou a New York City Opera antes de entrar na Broadway. No Brasil, o ator ficou conhecido por interpretar o personagem Arthur Bicudo em "Punky, a levada da breca". Gaynes também estrelou todos os sete filmes "Loucademia de polícia" como o comandante Eric Lassard. Ele fez parte do elenco de "Tootsie" (1982) e "O quarteto fantástico" (1994). Seu último trabalho no cinema foi "Recém-casados" (2003). 
NASCIMENTO: 16 de maio de 1917 - Helsinki, Finlândia. 
MORTE: 15 de fevereiro de 2016 - Washington, EUA. 
CAUSA DA MORTE: Causas naturais. 
OBS: Gaynes foi casado desde 20 de novembro de 1953 com com a atriz canadense Allyn Ann McLerie, com quem teve dois filhos, Matthew Gaynes (já falecido) e Iya Gaynes. Ele faleceu em sua casa em North Bend, Washington. "George Gaynes" era seu nome artístico.

MORTE DE MÁRCIO RIBEIRO


NOME: Márcio Ribeiro (49 anos) 
QUEM FOI: Ator, comediante e redator brasileiro. Tornou-se conhecido nacionalmente por apresentar durante 5 anos o programa infantil X-Tudo na TV Cultura. Na emissora, permaneceu por dez anos, participando também da primeira versão do programa infantil Rá-Tim-Bum. Márcio também fez cinema e teatro tendo inclusive ganho os prêmios de melhor ator no Festival de Gramado (Kikito), Festival de Brasília (Candango), Rio Cine Festival (Sol de Prata) e o prêmio Guarnicê (Festival de cinema do Maranhão). Participou de Malhação da TV Globo, e do programa Uma escolinha muito louca da Rede Record. Foi o criador do grupo de humor Comédia Ao Vivo. 
NASCIMENTO: 12 de maio de 1964 - São Paulo, Brasil. 
MORTE: 29 de maio de 2013 - Brasília, DF, Brasil. 
CAUSA DA MORTE: Complicações cardíacas. 
OBS: O comediante estava na cidade para participar do evento "Setebelos Convida" que ocorre às segundas e terças. Na segunda, ele se apresentou normalmente. Na terça-feira à tarde, passou mal. Ele foi levado ao Hospital Regional da Asa Norte (Hran). De acordo com a Secretaria de Saúde do Distrito Federal, o comediante morreu às 5h30.

MORTE DE CHYNA


NOME: Joanie Christine Laurer (46 anos) 
QUEM FOI: Atriz, fisiculturista e lutadora de luta livre profissional norte-americana. Laurer ganhou fama durante sua passagem na World Wrestling Federation (WWF, agora WWE) durante a Attitude Era com o nome de ringue Chyna, onde ganhou uma vez o WWF Women's Championship e duas vezes o Intercontinental Championship (sendo a única mulher a conquistar esse título), além de integrar o grupo D-Generation X. Chyna é também uma das únicas mulheres na história da WWF a participar do Royal Rumble, em 1999. Fora da luta livre, Laurer apareceu duas vezes na revista Playboy, além de participar de inúmeros programas e filmes. Ela é também conhecida por sua relação tumultuada com o colega lutador Sean Waltman, com quem ela fez uma fita de sexo lançado comercialmente em 2004 como 1 Night in China, que ganhou um AVN Award de título mais vendido em 2006. Ela estrelou mais cinco filmes pornográficos, incluindo Backdoor to China, eleito a melhor fita de sexo de celebridade de 2012. 
NASCIMENTO: 27 de dezembro de 1969 - Rochester, NY, EUA. 
MORTE: 20 de abril de 2016 - Redondo Beach, CA, EUA. 
CAUSA DA MORTE: Possível Overdose. 
OBS: Em 20 de abril de 2016, Laurer foi encontrada morta em sua casa em Redondo Beach, Califórnia. Ela estava tomando medicação para a ansiedade e falta de sono. Uma declaração oficial foi enviada para sua conta no Twitter, dizendo: "É com profunda tristeza que informamos que hoje perdemos um verdadeiro ícone, um super-herói da vida real... Ela vai viver para sempre na memória dos seus milhões de fãs e de todos que a amavam".

MORTE DE UMBERTO MAGNANI


NOME: Umberto Magnani Netto (75 anos) 
QUEM FOI: Ator e produtor brasileiro. O ator teve extensa trajetória no teatro, televisão e cinema. Muito premiado, ele marcou a dramaturgia nacional como intérprete e, também, como produtor de espetáculos consagrados. Ele iniciou sua carreira de ator em 1965, quando ingressou no curso de interpretação da Escola de Arte Dramática (EAD), em São Paulo. No início de sua trajetória profissional, interpretou textos de autores consagrados, como Nelson Rodrigues, João Cabral de Melo Neto, Antônio Callado e William Shakespeare. O ator estreou na TV em 1973, interpretando o personagem Zé Luis na primeira versão da novela “Mulheres de Areia”, na extinta TV Tupi. Na Globo, ele participou de consagradas novelas, como “Felicidade”, “História de Amor”, “Por Amor”, "Cabocla", "Alma Gêmea", “Mulheres Apaixonada” e "Páginas da Vida". Também participou de minisséries como “Presença de Anita” e do seriado “Sandy & Júnior”. No cinema, Umberto Magnani atuou em “Quanto Vale ou é por Quilo?”, “Cristina Quer Casar”, “Cronicamente Inviável”, “Kuarup”, “A Hora da Estrela”, entre outros. 
NASCIMENTO: 25 de abril de 1941 - Santa Cruz do Rio Pardo, SP, Brasil. 
MORTE: 27 de abril de 2016 - Rio de Janeiro, Brasil. 
CAUSA DA MORTE: Acidente vascular encefálico - AVE hemorrágico.  
OBS: Magnani passou mal enquanto se preparava para gravar cenas da novela "Velho Chico", da Globo, na qual interpretava o Padre Romão. No mesmo dia, ele comemorava o aniversário de 75 anos.

MORTE DE PAULO PONTES


NOME: Vicente de Paula Holanda Pontes (36 anos) 
QUEM FOI: Dramaturgo brasileiro. Ele começou sua vida artística como produtor de programas radiofônicos na Rádio Tabajara, na Paraíba, passando depois a colaborador do jornal "A União". Em 1969, ingressou no grupo de dramaturgia da TV Tupi. Em 1970, escreve o roteiro do show interpretado por Paulo Gracindo e Clara Nunes, "Brasileiro: Profissão Esperança". Em 1971, se torna nacionalmente conhecido com o espetáculo "Um Edifício Chamado 200", protagonizado por Milton Moraes, no Rio de Janeiro, e por Juca de Oliveira, em São Paulo. Com esse texto revitalizou a decadente comédia de costumes carioca. Encenou em 1972 no Rio de Janeiro a peça "Check-Up", com direção de Cecil Thiré. No ano seguinte, sob direção de Flávio Rangel e com Jorge Dória no papel central, estreia "Dr. Fausto da Silva". Na televisão, Paulo Pontes escreve a série "A Grande Família" com muito sucesso e em 1975, estreia seu espetáculo mais premiado, o drama "Gota d'Água", em parceria com Chico Buarque, e com o qual ganhou o prêmio Molière de melhor autor. 
NASCIMENTO: 8 de novembro de 1940 - Campina Grande, PB, Brasil. 
MORTE: 27 de dezembro de 1976 - Rio de Janeiro, Brasil. 
CAUSA DA MORTE: Câncer de estômago. 
OBS: Autodidata e considerado como um dos homens mais inteligentes e cultos do país, ele viveu durante 8 anos com a atriz Bibi Ferreira, que o acompanhou até a morte, aos 36 anos, vitimado por um câncer de estômago.

MORTE DE LUTERO LUIZ


NOME: Lutero Luiz (59 anos) 
QUEM FOI: Ator brasileiro, em alguns filmes creditado como Gerson Luís.Formado em artes cênicas, em Porto Alegre, ele começou como ator de rádio em 1952. Transferiu-se para São Paulo no início dos anos 60. Especializou-se em interpretar personagens simples e de forte apelo regional nas muitas novelas e nos mais de 15 filmes que realizou. No cinema, destacou-se em comédias como Vai Trabalhar Vagabundo; O Crime do Zé Bigorna; Guerra Conjugal; Ladrões de Cinema e Se Segura, Malandro!. Em telenovelas seus personagens mais marcantes foram; Lulu Gouveia, em O Bem-Amado; Marciano, em Pecado Capital; coronel Manuel das Onças, em Gabriela; o amigo Bodão de Sassá Mutema, em O Salvador da Pátria, e seu último personagem, o jardineiro Bastião, de O Sexo dos Anjos. 
NASCIMENTO: 1931 - São Gabriel, RS, Brasil. 
MORTE: 20 de fevereiro de 1990 - Rio de Janeiro, Brasil. 
CAUSA DA MORTE: Câncer generalizado. 
OBS: Lutero morreu, deixando em Porto Alegre duas filhas do primeiro casamento e, no Rio de Janeiro, uma do segundo. Seu personagem na novela O Sexo dos Anjos (1989/1990)", então em andamento, teve de sair da trama e foi inventada uma viagem de última hora quando ele ganhava na loteria.

MORTE DE CHINX DRUGZ


NOME: Lionel Pickens (31 anos) 
QUEM FOI: Rapper norte-americano. Chinx era conhecido por seu trabalho no grupo Coke Boys, do rapper americano nascido no Marrocos French Montana. 
NASCIMENTO: 3 de dezembro de 1983 - Nova York, EUA. 
MORTE: 17 de maio de 2015 - Nova York, EUA. 
CAUSA DA MORTE: Assassinado a tiros. 
OBS: Chinx foi baleado múltiplas vezes e morto em seu carro em Nova York. De acordo com a polícia, os atiradores pararam ao lado do carro do rapper em outro veículo e dispararam diversas vezes. O ataque aconteceu no bairro do Queens por volta das 4h da madrugada.

MORTE DE COREY HILL


NOME: Corey Hill (36 anos) 
QUEM FOI: Lutador norte-americano de UFC e XFC. Hill praticamente começou a carreira no UFC, participando do realithy show The Ultimate Fighter 5. Ele foi eliminado no programa, mas mesmo assim assinou contrato. Depois fez mais três lutas na organização, vencendo apenas uma e saiu. No XFC ele fez dois combates, com uma vitória e uma derrota. Recentemente, vivia uma fase ruim, com cinco derrotas consecutivas em outros eventos. Ao todo ele tinha seis vitórias e nove derrotas no cartel. 
NASCIMENTO: 3 de outubro de 1978 - Virgínia Ocidental, EUA. 
MORTE: 15 de maio de 2015 - Tampa, Flórida, EUA. 
CAUSA DA MORTE: Complicações de uma pneumonia. 
OBS: Ele tinha apenas 36 anos, lutava entre os pesos leves e acumulava participações em grandes eventos de MMA, como o próprio UFC e também XFC.

MORTE DE BEN WOOLF


NOME: Ben E. Woolf (34 anos)  
QUEM FOI: Ator norte-americano. Pouco conhecido na indústria do entretenimento americano, Ben fez participações na série American Horror Story, na qual interpretou Infantata, uma criatura gerada pelos restos mortais do filho do doutor Charles (Matt Ross) e sua esposa Nora Montgomery (Lily Rabe), na primeira temporada. Em American Horror Story: Freak Show, quarta temporada da série, Ben interpretou Meep, uma das criaturas que se apresentava no circo de horrores de Elsa (Jessica Lange). 
NASCIMENTO: 15 de setembro de 1980 - Colorado, EUA.
MORTE: 23 de fevereiro de 2015 - Los Angeles, CA, EUA.
CAUSA DA MORTE: Derrame cerebral após cirurgia na cabeça. 
OBS: Ben estava hospitalizado após sofrer um acidente. Ele tinha 34 anos de idade. A causa da morte foi divulgada como um derrame sofrido após uma cirurgia na cabeça. O acidente ocorreu na última quinta-feira, dia 19 de fevereiro, quando Ben atravessava o cruzamento entre a Hollywood Boulevard e Gramercy Place. O ator foi atingido na cabeça pelo espelho lateral de um veículo e levado em estado crítico para o hospital. A polícia considerou o caso um incidente.

MORTE DE BILLY PAUL


NOME: Paul Williams (81 anos) 
QUEM FOI: Cantor norte-americano de Soul. Vencedor do Grammy, mais conhecido por seu single, 1º lugar nas paradas, "Me and Mrs. Jones", assim como o álbum de 1973 e o single "War of the Gods", que combina os estilos [[música pop|pop~~ mais convencional, soul e funk com influências de estilos de música eletrônica e psicodélica. Ele é normalmente identificado por seu estilo vocal diverso que varia de um soul suave para uma voz um estilo baixo e rouco. 
NASCIMENTO: 1 de dezembro de 1934 - Filadélfia, EUA. 
MORTE: 24 de abril de 2016 - Blackwood, N.Jersey, EUA. 
CAUSA DA MORTE: Câncer de pâncreas. 
OBS: Billy lutava contra o câncer e faleceu em casa, em New Jersey, Estados Unidos, depois de ter sido hospitalizado na última semana.

MORTE DE SERGIO LEONE


NOME: Sergio Leone (60 anos) 
QUEM FOI: Cineasta italiano. Filho de um antigo industrial do cinema, ele ficou conhecido mundialmente por popularizar o gênero do western spaghetti. Ele começou com dezoito anos como assistente de direção em filmes de cineastas como Vittorio De Sica, Luigi Comencini e Mervyn LeRoy. Foi só em 1960 que estreou como diretor em O Colosso de Rodes, mas em 1964 realiza o antológico Por um punhado de dólares, estrelado pelo novato Clint Eastwood. O filme teria duas sequências com o mesmo ator, formando a chamada trilogia dos dólares. Em 1969, já consagrado internacionalmente, finalizaria o seu projeto mais ambicioso até então, o filme Once Upon a Time in the West. Era para ser seu último western como diretor, mas acabaria aceitando realizar mais um da série, o filme Giùla testa, em 1971, também conhecido como Once Upon a Time… The Revolutionis. Passando os anos seguintes como produtor, somente em 1984 ele dirigiria seu último grande filme dessa segunda trilogia, conhecida por trilogia da América, e que acabou se tornando também o último filme que dirigiu em sua carreira. Nos anos 60, quando o cinema italiano era essencialmente voltado para as comédias, Sergio Leone foi um dissidente, primeiro especializando-se em filmes épicos e depois na recriação do Oeste e nos filmes de western. Ele passou treze anos preparando o clássico Era uma vez na América, um épico lançado em 1984 no Festival de Cannes. Foi um dos mais brilhantes cineastas da sua geração e inventor de um estilo em que não faltam lances de pura genialidade. Ele é hoje fonte de inspiração para novos cineastas como Quentin Tarantino e Robert Rodriguez. 
NASCIMENTO: 30 de abril de 1989 - Roma, Itália. 
MORTE: 30 de abril de 1989 - Roma, Itália. 
CAUSA DA MORTE: Infarto do miocárdio. 
OBS: Sua sepultura está localizada no cemitério Campo di Verano, Roma.

MORTE DE ELI WALLACH


NOME: Eli Wallach (98 anos) 
QUEM FOI: Ator norte-americano. Foi um dos atores mais produtivos de Hollywood e se manteve em atividade até completar 90 anos, trabalhando em filmes como "Wall Street: o dinheiro nunca dorme", de 2010. Em seus mais de 150 papéis, tanto no cinema como em séries televisivas, trabalhou ao lado de estrelas como Francis Ford Coppola, Michael Douglas, Clint Eastwood, John Ford, Clark Gable, John Huston, Sergio Leone, Marilyn Monroe, Al Pacino, Gregory Peck e Kate Winslet. Wallach, que estreou no cinema em 1956 pelas mãos de Elia Kazan, participou de filmes emblemáticos na história de Hollywood, como "Sete homens e um destino" (1960), "A conquista do Oeste" (1962) e "O poderoso chefão 3" (1990). Com Sergio Leone, conseguiu ficar famoso no mundo todo após protagonizar "Três homens em conflito", no qual interpretou o bandido mexicano Tuco, que acompanhava Clint Eastwood e Lee Van Cleef, no longa que inaugurou o gênero 'spaguetti-western'. 
NASCIMENTO: 7 de dezembro de 1915 - Red Hook, NY, EUA. 
MORTE: 24 de junho de 2014 - Manhattan, NY, EUA 
CAUSA DA MORTE: Causas naturais. 
OBS: Em 2011, foi homenageado pela Academia de Artes e Ciências Cinematográficas de Hollywood com um Oscar honorário.

MORTE DE TEREZA RACHEL


NOME: Teresinha Malka Brandwain Taiba de La Sierra (81 anos) 
QUEM FOI: Atriz brasileira. Na televisão, interpretou personagens que são lembrados pelo público, como a Lupe, de "O rebu" (1974), a Débora, da novela "O grito" (1975), a Clô Hayalla, da novela "O astro" (1978), a Martha Gama, de "Baila comigo" (1981), a Aurora, da novela "Paraíso" (1982), a Renata Dumont de "Louco amor" (1983), e a Rainha Valentine de "Que rei sou eu?" (1989). Em 1995, interpretou Francesca Ferreto na novela "A próxima vítima", e também se destacou como a vilã Dona Bertha, da novela "Era uma vez" (1998). O último papel de Tereza Rachel na TV Globo foi na novela "Babilônia" (2015). Atriz, produtora e intérprete inquieta, ela fundou nos anos 70 o Teatro Tereza Raquel, em Copacabana, onde produziu peças inéditas e trouxe diretores europeus ligados à vanguarda, fazendo de sua casa de espetáculos um dos polos de destaque do teatro carioca. Tombado em 2004, o teatro foi reestruturado em 2012, após ser arrendado pelo produtor cultural Frederico Reder. 
NASCIMENTO: 19 de agosto de 1935 - Nilópolis, RJ, Brasil. 
MORTE: 2 de abril de 2016 -Rio de Janeiro, Brasil. 
CAUSA DA MORTE: Complicações de um quadro agudo de obstrução intestinal. 
OBS: Tereza estava internada no centro de tratamento intensivo de Copacabana, e foi sepultada em Nilópolis na Baixada Fluminense.

MORTE DE DANIEL LOBO


NOME: Daniel Lobo (43 anos) 
QUEM FOI: Ator brasileiro. Foi o terceiro e último ator a interpretar o personagem Pedrinho na primeira versão do Sítio do Picapau Amarelo da Rede Globo. No teatro, Daniel Lobo atuava na peça "Nise da Silveira - Guerreira da Paz", sobre a história da psiquiatra alagoana discípula do psicanalista alemão Carl G.Jung. Ele também era o diretor do espetáculo. Em Santa Catarina, a peça foi encenada em Florianópolis em julho do ano passado. A peça estava sendo apresentava no Museu de Arte de São Paulo (Masp). Porém, após 6 semanas, ele precisou interromper a peça por motivos de saúde. 
NASCIMENTO: 7 de fevereiro de 1973 - Rio de Janeiro, Brasil. 
MORTE: 24 de março de 2016 - Tubarão, SC, Brasil. 
CAUSA DA MORTE: Complicações de um tumor no aparelho digestivo. 
OBS: Segundo Flávia (sua esposa), Daniel morreu devido às complicações de um tumor no aparelho digestivo. “Ele começou a ter uma espécie de alergia, muita coceira na pele há cinco semanas. Depois, passou a ter icterícia, um mal-estar contínuo”. Daniel Lobo foi sepultado no cemitério municipal de São Ludgero, município no Sul de Santa Catarina.

MORTE DE STEVIE RAY VAUGHAN


NOME: Stephen Ray Vaughan (35 anos) 
QUEM FOI: Guitarrista, cantor e compositor de blues elétrico norte-americano. Era o líder da Double Trouble. Nascido em Dallas, Vaughan se mudou para Austin com 17 anos, quando iniciou sua carreira musical. Foi uma importante figura do Texas blues, um estilo musical caracterizado pelo swing e pela fusão do blues com o rock. Tornou-se um dos principais músicos do blues rock, com diversas aparições na televisão e álbuns lançados. O trabalho de Vaughan englobou diversos estilos, principalmente o blues. Foi indicado a doze Grammys, vencendo seis; em 2000, foi postumamente induzido ao Hall da Fama do Blues. 
NASCIMENTO: 3 de outubro de 1954 - Dallas, EUA. 
MORTE: 27 de agosto de 1990 - East Troy, EUA. 
CAUSA DA MORTE: Acidente de helicóptero. 
OBS: Stevie morreu em um acidente de helicóptero próximo a East Troy, Wisconsin. Ele seguia para uma apresentação no Alpine Valley Music Theater, onde na tarde anterior se apresentara junto com Robert Cray, Buddy Guy, Eric Clapton e seu irmão mais velho Jimmie Vaughan. Quatro helicópteros estavam a disposição dos músicos, e Stevie encontrou um lugar vazio em um helicóptero com alguns membros da equipe de Clapton, e decidiu embarcar. Em consequência do céu extremamente nublado e da forte névoa, o helicóptero de Stevie virou para o lado errado e foi de encontro com uma pista artificial de ski. Não houve sobreviventes, e o Rock perdera um dos seus maiores expoentes. Stevie Ray Vaughan está enterrado no Laurel Land Memorial Park,em Dallas, no Texas.

MORTE DE ROBERTO PERFUMO


NOME: Roberto Alfredo Perfumo (73 anos) 
QUEM FOI: Futebolista argentino. Conhecido nos campos como Marechal, foi um dos melhores zagueiros do futebol argentino. Defendeu clubes de renome no futebol argentino como o Racing Club e o River Plate, e o Cruzeiro, no Brasil. Mesclava talento, temperamento forte e muita raça, o que fizeram dele titular indiscutível da seleção nacional por mais de dez anos, além de ser considerado por muitos veículos esportivos como uns dos melhores do mundo em sua posição. Perfumo estava no time da Argentina quando esta disputou os Jogos Olímpicos de Tóquio-1964, no Japão, além de disputar as Copas do Mundo de 1966 e 1974. Entre os títulos conquistados como jogador tem quatro Campeonatos Argentinos (três pelo River Plate e um pelo Racing) , três campeonatos mineiros pelo Cruzeiro, e a Copas Libertadores e torneio intercontinental também pelo Racing. Em 2003 Roberto Perfumo foi indicado ao cargo de secretário de Esportes da Argentina. 
NASCIMENTO: 3 de outubro de 1942 - Sarandí, Argentina. 
MORTE: 10 de março de 2016 - Buenos Aires, Argentina. 
CAUSA DA MORTE: Traumatismo craniano (queda). 
OBS: Perfumo morreu de traumatismo craniano após cair de uma escada em um restaurante no dia anterior. Acredita-se que Perfumo tenha tido um AVC antes de cair, fato que motivou a queda.

MORTE DE KEITH EMERSON


NOME: Keith Emerson (71 anos) 
QUEM FOI: Músico inglês (pianista e compositor). Ex-membro das bandas The T-Bones, V.I.P.s e P.P. Arnold (que acabou se tornando The Nice), ficou mais conhecido depois de fundar a banda Emerson, Lake & Palmer (ELP), um dos primeiros supergrupos, em 1970. Quando o ELP acabou, por volta de 1979, Emerson teve sucesso modesto em outras bandas como Emerson Lake & Powell, e algumas reuniões do ELP no começo da década de 1990. Em 2002, ele reuniu o The Nice e saiu em turnê e, em 2006, saiu em turnê com a The Keith Emerson Band. 
NASCIMENTO: 2 de novembro de 1944 - Todmorden, Inglaterra. 
MORTE: 10 de março de 2016, Santa Mônica, CA, EUA. 
CAUSA DA MORTE: Tiro na cabeça (suposto suicídio).  
OBS: Mari Kawaguchi, namorada de Keith Emerson, encontrou o corpo do lendário tecladista do Emerson, Lake and Palmer na sexta-feira, 11 de março, após retornar para o apartamento que eles dividiam em Santa Monica, na California, que estava sendo investigado como um suicídio cometido com arma de fogo, contou ao Daily Mail o suposto motivo do ato cometido pelo músico:

"Sua mão e braço direito vinham apresentando problemas há anos. Ele fez uma cirurgia para tentar reconstruir os movimentos mas a coisa estava piorando cada vez mais. Ele tinha shows marcados para o Japão e apesar de contar com um tecladista extra para ajudar ele estava muito preocupado. Lia as críticas online e se influenciava com isto. No ano passado ele fez shows e fizeram comentários como ´acho que ele veria parar de tocar´. E ele se atormentava com a ideia de não ser mais bom o suficiente, tanto que planejava se aposentar depois desta turnê pelo Japão. Não queria decepcionar seus fãs, ele era perfeccionista e saber que não poderia tocar mais tão bem o deixava depressivo, nervoso e ansioso".

MORTE DE NANÁ VASCONCELOS


NOME: Juvenal de Holanda Vasconcelos (71 anos) 
QUEM FOI: Músico brasileiro. Apelidado de Naná pela avó, a música sempre foi a mola propulsora dele. No ano de 1960, Naná deixou o Recife e foi morar no Rio de Janeiro, onde gravou dois discos com Milton Nascimento. Com o cantor Geraldo Azevedo, viajou para São Paulo para participar do Quarteto Livro, que acompanhou Geraldo Vandré no icônico Festival da Canção. A obra de Naná foi propagada e respeitada dentro e fora do Brasil. Ele fez parte do grupo Jazz Codona, com o qual lançou três discos. Chegou a gravar com B.B King, com o violinista francês Jean-Luc Ponty e com a banda Talking Heads, liderada por David Byrne, um dos grupos precursores do movimento "new wave". Nacionalmente, ele participou de álbuns de Milton Nascimento, Caetano Veloso, Marisa Monte e Mundo Livre S/A. O pernambucano também fez trilhas sonoras para filmes nacionais e norte-americanos. Foi eleito oito vezes, por revistas especializadas em música nos Estados Unidos, como o melhor percussionista do mundo. 
NASCIMENTO: 2 de agosto de 1944 - Recife, PE, Brasil. 
MORTE: 9 de março de 2016 - Recife, PE, Brasil. 
CAUSA DA MORTE: Parada cardiorrespiratória (estava com câncer de pulmão). 
OBS: Naná ficou internado por dez dias no Hospital Unimed III, em Recife. De acordo com a assessoria do hospital, o músico teve uma parada respiratória e passou por um procedimento, mas não resistiu e faleceu às 7h39.

MORTE DE STEVE JAMES


NOME: Steve James (41 anos) 
QUEM FOI: Ator norte-americano, dublê e artista marcial. começou a trabalhar em comerciais de Tv, o pulo pro cinema foi logo, começou a trabalhar como dublê em diversos filmes como Os Selvagens da Noite, de Walter Hill, O Mágico Inesquecível de Sidney Lumet entre outros. Seu primeiro papel principal foi no filme O Exterminador de James Glickenhaus, onde fazia o parceiro de Robert Ginty. Entretanto ficou conhecido no mundo todo quando fez parceria com Michael Dudikoff nos filmes América Ninja 1 e 2. Atuou também como parceiro de Chuck Norris nos filmes Comando Delta e Um Herói e o Seu Terror, com David Carradine em Pelotão de Guerra e Christopher Walken em McBain - O Guerreiro Moderno.Seu último filme foi o piloto para a série Mantis-A Vingança Que Não Tarda. 
NASCIMENTO: 19 de fevereiro de 1952 - Nova York, EUA. 
MORTE: 18 de dezembro de 1993 - Califórnia, EUA. 
CAUSA DA MORTE: Câncer de pâncreas. 
OBS: James faleceu em casa, ao lado de sua família.

MORTE DE SANTO ACISCLO


NOME: Acisclo (? anos) 
QUEM FOI: Cristão de Córdoba (então pertencente ao Império Romano; atualmente, pertencente à Espanha) que, durante a perseguição de Diocleciano, sofreu o martírio juntamente com sua irmã, Santa Vitória. Sua história consta do martirológio de Santo Eulógio de Córdoba. Há dúvidas sobre a veracidade histórica da existência de Vitória, mas ambos são venerados nos ritos litúrgicos moçárabes (rituais litúrgicos latinos originariamente criados e praticados pelos primeiros cristãos hispânicos ou ibéricos).. 
NASCIMENTO: segunda metade do século III - Córdoba, Espanha. 
MORTE: 17 de novembro de 313 - Córdoba, Espanha. 
CAUSA DA MORTE: Decapitado (Executado).  
OBS: Após terem sido presos, os irmãos foram torturados. Segundo a tradição, Vitória foi morta a flechadas e Acisclo, decapitado. A casa onde moravam se tornou uma igreja e, durante o século IX, após a invasão muçulmana, alguns dos Mártires de Córdoba foram associados com ela, incluindo Perfectus, que era sacerdote ali. A Santo Acisclo e sua irmã, foi dedicada a Igreja de Santo Acisclo e Santa Vitória.

MORTE DE MESSALINA


NOME: Valéria Messalina (31 anos) 
QUEM FOI: imperatriz-consorte romana, terceira esposa do imperador Cláudio. Ela era também prima pelo lado do pai de Nero, prima de segundo grau de Calígula e sobrinha-bisneta de Augusto. Messalina era poderosa e influente, com uma reputação de ser promíscua, alega-se que ela teria conspirado contra o marido e foi executada quando o plano foi descoberto. E esta reputação, que pode ser derivada de um viés político contra ela, acabou perpetuada na arte e na literatura até os tempos modernos. 
NASCIMENTO: 25 de janeiro de 17 - Roma. 
MORTE: 48 - Roma. 
CAUSA DA MORTE: Decapitada (Executada). 
OBS: Com sua ascensão ao poder, Messalina entrou para a história com uma reputação de implacável, predadora e insaciável sexualmente. Seu marido é retratado como sendo facilmente guiado por ela e ignorante de seus muitos adultérios até ser informado de que ela teria exagerado ao se casar com seu último amante, o senador Caio Sílio em 48. Cláudio então teria ordenado a sua morte e ela recebeu a opção de se suicidar. Incapaz de se auto-apunhalar, Messalina foi morta pelo oficial que a prendeu. O senado romano então ordenou que o nome de Messalina fosse retirado de todos os lugares públicos e privados e que tivesse todas as suas estátuas destruídas

MORTE DE DR. NINA RODRIGUES


NOME: Raimundo Nina Rodrigues (43 anos) 
QUEM FOI: Médico legista e antropólogo brasileiro. fundador da antropologia criminal brasileira e pioneiro nos estudos sobre a cultura negra no país. Iniciou medicina na Bahia, mas concluiu no Rio de Janeiro, RJ (1888). Voltou à Bahia para assumir a cátedra na Faculdade de Medicina da Bahia (1891), onde promoveu a nacionalização da medicina legal brasileira, até então inclinada a seguir padrões europeus. Desenvolveu profundas pesquisas sobre origens étnicas da população e a influência das condições sociais e psicológicas sobre a conduta do indivíduo. Com o resultados de seus estudos propôs uma reformulação no conceito de responsabilidade penal, sugeriu a reforma dos exames médico-legais e foi pioneiro da assistência médico-legal a doentes mentais, além de defender a aplicação da perícia psiquiátrica não apenas nos manicômios, mas também nos tribunais. 
NASCIMENTO: 4 de dezembro de 1862 - Vargem Grande, MA, Brasil. 
MORTE: 17 de julho de 1906 - Paris, França. 
CAUSA DA MORTE: Tuberculose. 
OBS: O Instituto Médico-Legal Nina Rodrigues (IMLNR), o mais antigo dos quatro órgãos que compõem a estrutura do Departamento de Polícia Técnica da Bahia, foi criado (1906) pelo Prof. Oscar Freire e intitulado Nina Rodrigues pela Congregação da Faculdade de Medicina da Bahia, em homenagem ao famoso professor catedrático de Medicina-Legal, falecido naquele mesmo ano, aos 44 anos de idade.

MORTE DE UMBERTO ECO


NOME: Umberto Eco (84 anos) 
QUEM FOI: Escritor, filósofo, semiólogo, linguista e bibliófilo italiano de fama internacional. Foi titular da cadeira de Semiótica e diretor da Escola Superior de ciências humanas na Universidade de Bolonha. Ensinou temporariamente em Yale, na Universidade Columbia, em Harvard, Collège de France e Universidade de Toronto. Colaborador em diversos periódicos acadêmicos, dentre eles colunista da revista semanal italiana L'Espresso, na qual escreveu sobre uma infinidade de temas. Eco é, ainda, notório escritor de romances, entre os quais O nome da rosa e O pêndulo de Foucault. Junto com o escritor e roteirista Jean-Claude Carrière, lançou em 2010 "Não Espere se Livrar dos Livros”, publicado em Portugal com o título "A Obsessão do Fogo" no Brasil como "Não contem com o fim do livro" Brasil). 
NASCIMENTO: 5 de janeiro de 1932 - Alexandria, Itália. 
MORTE: 19 de fevereiro de 2016 - Milão, Itália. 
CAUSA DA MORTE: Câncer de pâncreas.
OBS: O pai de Umberto Eco queria que Umberto estudasse direito, mas ele decidiu entrar na Universidade de Turin para estudar filosofia medieval e literatura. Mais tarde, Umberto também foi professor na mesma Universidade.

MORTE DE ALBERT AYLER


NOME: Albert Ayler (34 anos) 
QUEM FOI: Saxofonista, cantor e compositor estadunidense de avant-garde jazz. Ele tinha um tom devastador e profundo - alcançado usando um duro pedaço de cano no seu sax tenor. Suas gravações em trio ou quarteto de 1964, como Spiritual Unity e The Hilversum Session, mostram o avançado senso de improvisação de John Coltrane e Ornette Coleman por planos abstratos onde o timbre, ao invés da harmonia e melodia, são a coluna vertebral da música. Sua música estática de 1965 e 1966, como "Spirits Rejoice" e "Truth is Marching In" foi comparada por críticas às bandas de percussão do Exército da Salvação, e simplesmente, como marchinhas alternadas com improvisações selvagens, que foram consideradas como resgate de um jazz de raízes pré-Louis Armstrong. 
NASCIMENTO: 13 de julho de 1935 - Ohio, EUA. 
MORTE: 25 de novembro de 1970 - Brooklyn, NY, EUA 
CAUSA DA MORTE: Afogamento (suicídio). 
OBS: Ayler se jogou de uma ponte e seu corpo desapareceu, sendo encontrado alguns dias depois. Foi sepultado no Highland Park Cemetery em Beachwood, Ohio.

MORTE DE CESÁRIA ÉVORA


NOME: Cesária Évora (70 anos) 
QUEM FOI: Cantora de maior reconhecimento internacional de toda a história da música popular cabo-verdiana. Apesar de ser sucedida em diversos outros géneros musicais, Cesária Évora foi maioritariamente relacionada com a morna (gênero musical e de dança de Cabo Verde), por isso também apelidada de "rainha da morna" . Era conhecida como a diva dos pés descalços. Aos 16 anos, Cesária começou a cantar em bares e hotéis e, com a ajuda de alguns músicos locais, ganhou maior notoriedade em Cabo Verde, sendo proclamada a "Rainha da Morna" pelos fãs. Em 1975, ano em que Cabo Verde conquistou a independência, Cesária, frustrada por questões pessoais e financeiras, aliadas à dificuldade econômica e política do jovem país, deixou de cantar para sustentar a família. Durante este período, que se prolongou por dez anos, Cesária teve de lutar contra o alcoolismo. Encorajada por Bana (cantor e empresário cabo-verdiano radicado em Portugal), Cesária Évora voltou a cantar, atuando em Portugal. Em Cabo Verde foi convidada por José da Silva a ir para Paris onde acabou por gravar um novo álbum em 1988 "La diva aux pieds nus" (A diva dos pés descalços) - que é como se apresenta nos palcos. Este álbum foi aclamado pela crítica, levando-a a iniciar a gravação do álbum "Miss Perfumado" (1992). Desde então fixou residência na capital francesa. Cesária tornou-se uma estrela internacional aos 47 anos de idade. Em 2004 conquistou um prêmio Grammy de melhor álbum de world music contemporânea. O presidente francês, Nicolas Sarkozy, distinguiu-a, em 2009, com a medalha da Legião de Honra entregue pela ministra da Cultura francesa Christine Albanel. 
NASCIMENTO: 27 de agosto de 1941 - Mindelo, Cabo Verde. 
MORTE: 17 de dezembro de 2011 - Mindelo, Cabo Verde. 
CAUSA DA MORTE: Insuficiência cardiorrespiratória aguda. 
OBS: Em setembro de 2011, depois de cancelar um conjunto de concertos por se encontrar muito debilitada, a editora, Lusafrica, anunciou que a cantora pôs um ponto final na longa carreira.

MORTE DE LUIGI TENCO


NOME: Luigi Tenco (28 anos) 
QUEM FOI: Cantor e compositor italiano, pertencente à chamada "Escola de Gênova". Criança precoce, aprendeu a ler e escrever aos três anos de idade. Durante os anos de escola, com alguns amigos, deu vida a vários grupos musicais, com um repertório composto principalmente de jazz e de alguns primeiros exemplos de rock'n'roll. Foi casado com a cantora (e também suicida) Dalida. Em janeiro de 1967, finalmente, Tenco e Dalida se apresentaram no Festival de Sanremo com a canção Ciao amore ciao, cantada, à moda do tempo, por dois artistas separadamente. Esta não foi apreciada pelo público, portanto, não foi incluída na noite final do Festival, sendo classificada em 12°lugar pelo voto popular. Fracasso também na repescagem, na qual foi favorecida La rivoluzione de Gianni Pettenati, o que deixou Tenco, naturalmente, desiludido. Na mesma noite, o cantor foi encontrado morto por Dalida em seu quarto no hotel Savoy, de Sanremo, o que levou a opinião pública a pensar na possibilidade de um suicídio. Um mês após a morte de Tenco, Dalida também tentou o suicídio ingerindo barbitúricos, mas sobreviveu. 
NASCIMENTO: 21 de março de 1938 - Cassine, Itália. 
MORTE: 27 de janeiro de 1967 - Sanremo, Itália. 
CAUSA DA MORTE: Suposto suicídio (tiro na têmpora esquerda). 
OBS: Naquela noite, foi a própria Dalida a encontrar o corpo de Luigi no quarto do hotel com uma ferida de bala na cabeça. Foi encontrado um bilhete supostamente escrito por Tenco, no qual ele dizia que seu ato se tratava de um protesto contra o resultado do festival. A princípio, tudo indicava que se tratava realmente de um suicídio. Todavia, existem estranhos indícios que poderiam apontar para a hipótese de um homicídio. No ano precedente, Luigi havia comprado uma pistola justamente para sua defesa pessoal. Outro aspecto estranho é o fato do corpo ter sido encontrado com uma ferida de arma de fogo na têmpora esquerda, quando ele era, na verdade, destro. Além disso, a bala que causou a sua morte nunca foi encontrada. Apesar desses e de outros indícios, o caso, na época, foi rapidamente arquivado. Em 2005, devido à pressão da imprensa, o caso foi reaberto. O corpo foi exumado, mas, em janeiro de 2009, os peritos mais uma vez confirmaram a tese do suicídio e o caso foi definitivamente arquivado. Porém, devido àquelas evidências que nunca puderam ser explicadas, muitos ainda hoje acreditam que Tenco, na verdade, foi morto por um motivo desconhecido.

MORTE DE DALIDA


NOME: Iolanda Cristina Gigliotti (54 anos) 
QUEM FOI: Cantora nascida no Egito e que muito atuou na Itália. Ao se estabelecer na França (onde tornou-se cidadã naturalizada), Dalida deu início a sua carreira artística e alcançou sucesso internacional. Conhecedora de variadas línguas, gravou canções em mais de 10 idiomas e vendeu mais de 170 milhões de cópias no mundo todo. O lançamento de "Bambino" em 1956 seria o grande sucesso da cantora, ficando 46 semanas nas paradas Top 10 da França, representando uma das maiores vendagens de discos na história francesa, e por suas vendas (que ultrapassaram as 300.000 cópias) Dalida recebeu seu primeiro Disco de Ouro. Dalida e seu produtor Lucien Morrise iniciam um romance, mas havia um problema, ele já era casado e era pai, Lucien prometeu a Dalida que iria se divorciar da esposa para ficar com ela, mas isso demorou vários anos. Lucien consegue se divorciar da esposa e ele se casa com Dalida, mas Lucien tinha um vício: trabalho, e muitas vezes não tinha tempo para a esposa, Dalida se sentia abandonada e se disse apaixonada por um outro rapaz. Eles se divorciaram em 1964 e Lucien cometeria suicídio em 1970. Dalida inicia um romance com o cantor italiano Luigi Tenco, o qual havia passado cinco anos trabalhando em uma música chamada "Ciao amore ciao". Ele e Dalida a cantariam no Festival de Sanremo de 1967, o evento mais importante de música italiana, que ocorreu na trágica noite de 27 de janeiro. Os jurados não gostaram da canção e eles foram desclassificados. Tenco ficou arrasado e não compareceu ao jantar dos artistas após as apresentações. Depois Dalida foi para o hotel e encontrou Luigi morto no chão do quarto do hotel. O cantor se suicidara com um tiro de pistola na orelha, deixando claro em um bilhete que não se matou porque cansara de viver, mas sim como forma de protesto contra os jurados do festival. 
NASCIMENTO: 17 de janeiro de 1933 - Cairo, Egito. 
MORTE: 3 de maio de 1987 - Paris, França. 
CAUSA DA MORTE: Suicídio (Ingeriu grande quantidade de barbitúricos). 
OBS: Após 31 anos de sucesso ininterrupto, Dalida tinha uma incrível habilidade de trasmitir alegria e otimismo apesar de estar tão ferida sentimentalmente. Dalida foi um ímã para homens suicidas, cada vez mais sozinha e angustiada, terrivelmente arrependida por passar sua vida inteira dedicada a sua carreira e a homens que só a fizeram sofrer e a privaram de seu maior desejo: o de ser mãe. Os anos começaram a pesar-lhe, talvez a canção dela que mais justifique o seu sofrimento seja "Je suis malade". 

Após anos de buscas através da filosofia, religião e misticismo a fim de preencher o vazio que a jogara em profunda depressão, Dalida se suicida aos 54 anos de idade no dia 3 de maio de 1987 ingerindo elevada dose de barbitúricos . Ela deixou duas cartas: uma a seu irmão Orlando e outra ao seu companheiro François Naudy, além de uma nota de suicídio ao seus fãs com a frase: “Me perdoem, a vida se tornou insuportável para mim".

MORTE DE TORQUATO NETO


NOME: Torquato Pereira de Araújo Neto (28 anos) 
QUEM FOI: Poeta brasileiro, jornalista, letrista de música popular, experimentador ligado à contracultura. De Teresina, mudou-se para Salvador aos 16 anos para os estudos secundários, onde foi contemporâneo de Gilberto Gil no Colégio Nossa Senhora da Vitória (Marista) e trabalhou como assistente no filme Barravento, de Glauber Rocha. Envolveu-se ativamente na cena soteropolitana, onde conheceu, além de Gil, Caetano Veloso, Gal Costa e Maria Bethânia. Em 1962, mudou-se para o Rio de Janeiro para estudar jornalismo na universidade, mas nunca chegou a se formar. Trabalhou para diversos veículos da imprensa carioca, com colunas sobre cultura no Correio da Manhã, Jornal dos Sports e Última Hora. Torquato atuava como um agente cultural e polemista defensor das manifestações artísticas de vanguarda, como a Tropicália, o cinema marginal e a poesia concreta, circulando no meio cultural efervescente da época, ao lado de amigos como os poetas Décio Pignatari, Augusto e Haroldo de Campos, o cineasta Ivan Cardoso e o artista plástico Hélio Oiticica. Torquato também foi um importante letrista de canções icônicas do movimento tropicalista. 
NASCIMENTO: 9 de novembro de 1944 - Teresina, PI, Brasil. 
MORTE: 10 de novembro de 1972 - Rio de Janeiro, Brasil. 
CAUSA DA MORTE: Asfixia por gás (suicídio). 
OBS: Torquato se suicidou um dia depois de seu 28º aniversário, em 1972. Depois de voltar de uma festa, trancou-se no banheiro e abriu o gás. Sua mulher dormia em outro aposento da casa. O escritor foi encontrado na manhã seguinte pela empregada da família (Maria das Graças, que mais tarde adotou o nome de Gal, sugerido pela própria Gal Costa, sua homônima (frequentadora assídua da casa de Torquato). 

A nota de suicídio de Torquato dizia: 

"FICO. Não consigo acompanhar a marcha do progresso de minha mulher ou sou uma grande múmia que só pensa em múmias mesmo vivas e lindas feito a minha mulher na sua louca disparada para o progresso. Tenho saudades como os cariocas do tempo em que eu me sentia e achava que era um guia de cegos. Depois começaram a ver, e, enquanto me contorcia de dores, o cacho de banana caía. De modo Q FICO sossegado por aqui mesmo enquanto dure. Ana é uma SANTA de véu e grinalda com um palhaço empacotado ao lado. Não acredito em amor de múmias, e é por isso que eu FICO e vou ficando por causa deste amor. Pra mim chega! Vocês aí, peço o favor de não sacudirem demais o Thiago*. Ele pode acordar". 

*Thiago era o filho de dois anos de idade.

MORTE DE SÊNECA


NOME: Lucius Annaeus Seneca (68 anos) 
QUEM FOI: Orador latino. Era filho de um grande orador - Annaeus Seneca, o Velho - e foi educado em Roma, onde estudou retórica e filosofia. Tornou-se famoso como advogado. Foi membro do senado romano e posteriormente nomeado questor, magistrado da justiça criminal. Sêneca despertou a inveja do imperador Calígula, que tentou assassiná-lo. Em 41 d.C., envolveu-se num processo por suas relações com Julia Livila, uma sobrinha do imperador Cláudio. Acusado de adultério, foi exilado e partiu para a Córsega, onde viveu até 49 d.C. O imperador Cláudio casou-se com Agripina, que convidou Sêneca para assumir a educação de seu filho Nero. Nero tornou-se imperador em 54 d.C. e Sêneca assumiu as funções de conselheiro até 62 d.C. Em Roma, Sêneca redigiu dois de seus tratados, "Sobre a Brevidade da Vida" e "Sobre o ócio". Afastado da vida pública, sofreu perseguição do imperador Nero. Foi acusado de participar da Conspiração de Piso, que teria planejado o assassinato de Nero, e condenado ao suicídio. 
NASCIMENTO: 4 a.C. - Corduba, Atual Espanha. 
MORTE: 65 - Roma, atual Itália. 
CAUSA DA MORTE: Suicídio forçado (cortou os pulsos). 
OBS: No ano 65, Sêneca foi acusado de ter participado da conspiração de Pisão, na qual o assassinato de Nero teria sido planejado. Sem qualquer julgamento, foi obrigado a cometer o suicídio. Na presença dos seus amigos, cortou os pulsos com o ânimo sereno que defendia em sua filosofia. Tácito relatou a morte de Sêneca e da mulher, que também cortou os pulsos. Nero, com medo da repercussão negativa dessa dupla morte, mandou que médicos a tratassem, e ela sobreviveu alguns anos a mais que o marido.

MORTE DE JULIANO MOREIRA


NOME: Juliano Moreira (60 anos) 
QUEM FOI: Médico e um dos pioneiros da psiquiatria brasileira. O primeiro professor universitário a citar e incorporar a teoria psicanalítica no seu ensino na Faculdade de Medicina. Nascido em Salvador, negro e de origem pobre, entrou na Faculdade de Medicina da Bahia em 1886, formando-se aos dezoito anos, em 1891, e se tornando professor da Faculdade. Em 1903, após ter exercido a clínica psiquiátrica na Faculdade Baiana, mudou-se para o Rio de Janeiro. Durante seu trabalho na direção do Hospital Nacional dos Alienados, do Rio de Janeiro, humanizou o tratamento e acabou com o aprisionamento dos pacientes. Foi neste período, entre maio e junho de 1910, que o hospital recebeu o ilustre líder da Revolta da Chibata, João Cândido, para tratamento de uma psicose de exaustão. Defendeu a ideia de que a origem das doenças mentais se devia a fatores físicos e situacionais, como a falta de higiene e falta de acesso à educação, contrariando o pensamento racista em voga no meio acadêmico, que atribuía os problemas psicológicos do Brasil à miscigenação. Foi o tradutor da obra de Freud para o português. 
NASCIMENTO: 6 de janeiro de 1873 - Salvador, BA, Brasil. 
MORTE: 2 de maio de 1933 - Rio de Janeiro, Brasil. 
CAUSA DA MORTE: Tuberculose. 
OBS: Dr. Juliano chegou a viajar para Belo Horizonte em busca de melhoramentos para o seu estado de saúde. A doença foi avançando, Miguel Couto, seu médico, decidiu encaminhá-lo para a Serra de Petrópolis. Hospeda-se na residência de Hermelindo Lopes Rodrigues um dos seus maiores discípulos. Faleceu cercado de discípulos e de sua esposa, Dona Augusta Moreira. Foi embalsamado e sepultado no cemitério São João Batista (Rio de Janeiro).

MORTE DE RUBIN CARTER (HURRICANE)


NOME: Rubin "Hurricane" Carter (76 anos) 
QUEM FOI: Boxeador peso médio norte-americano no período entre 1961 e 1966, conhecido por travar uma longa disputa judicial após ser preso por assassinato. Hurricane foi surpreendido pela polícia quando andava de carro com amigos, sendo preso por um crime do qual anos mais tarde seria inocentado. Na prisão, viu sua carreira de boxeador ir por água abaixo, sendo que era o favorito ao cinturão de pesos médios no ano de 1966, aos 29 anos de idade. Junto com seu amigo John Artis, foi condenado pelo homicídio de três pessoas em um bar da cidade. Duas testemunhas do crime confirmaram os dois como os autores do triplo assassinato (porém há suspeita de perseguição racial). Artis passou 15 anos na cadeia antes de obter sua liberdade. Rubin Carter ficou preso até 1985, quando foi solto graças à retirada do processo e à anulação da pena. Quase trinta anos depois, em 1993, recebeu o Cinturão de Campeão de Pesos Médios de Boxe, algo nunca concedido a um ex-lutador. O episódio foi eternizado na música Hurricane, de Bob Dylan. Também há um filme sobre sua vida chamado The Hurricane, protagonizado por Denzel Washington, numa antológica versão adaptada ao cinema. 
NASCIMENTO: 6 de maio de 1937 - Nova Jersey, EUA. 
MORTE: 20 de abril de 2014 - Toronto, Canadá. 
CAUSA DA MORTE: Câncer de próstata. 
OBS: Talentoso em cima do ringue, Carter colecionou 27 vitórias (dezenove por nocaute) em 40 lutas na categoria dos peso-médio. Desde sua libertação, em 1985, ele organizou diversas campanhas contra o preconceito. Com o auxílio do amigo John Artis, Carter fundou, em Toronto, a Innocence International, organização sem fins lucrativos dedicada ao apoio a presos inocentes. Enquanto esteve preso, o próprio atleta escreveu o livro O 16º Round, no qual narrou sua trajetória dentro e fora dos ringues.